Associação das Micro Cervejarias Artesanais de Santa Catarina

Notícias

Acasc comemora aprovação no Senado da inclusão das cervejarias artesanais no Supersimples

Foi aprovada na noite de quarta-feira (22), no Senado, as alterações no chamado Supersimples. O conjunto de leis que reduz a burocracia e a carga tributária para micro e pequenas empresas inclui, pela primeira vez, a categoria de cervejas artesanais entre as beneficiadas.

O presidente da Associação das Micro Cervejarias Artesanais de Santa Catarina (Acasc), Carlo Lapolli, diz que é um passo fundamental para o reconhecimento da atividade e viabilização de novos negócios do segmento. “Passamos a ser vistos pelo poder público, o que é um grande avanço se considerarmos que hoje pagamos os mesmos impostos das cervejarias comerciais que faturam mais e têm entre os seus investidores grupos econômicos fortíssimos”, comenta.

O lamento da categoria, no entanto, fica por conta da redução do teto do faturamento para R$ 4,8 milhões ao ano. A proposta inicial era R$ 14 milhões. De acordo com Lapolli, essa alteração torna inviável a adesão de mais de 80% das cervejarias. “Embora sejam negócios de pequeno porte e com produção reduzida, os custos envolvidos são altos – dos ingredientes aos insumos básicos – e o faturamento acompanha essa realidade”, diz o executivo.

Agora, o projeto retorna para a Câmara dos Deputados para avaliação das alterações no texto e depois segue para sanção presidencial. “É uma vitória que inicia um novo ciclo de batalhas e de trabalho para as entidades. Vamos buscar aproximar os representantes do setor para pleitear novos benefícios”, comenta.

Post navigation

One comment on “Acasc comemora aprovação no Senado da inclusão das cervejarias artesanais no Supersimples

  1. James Tadeu Branco

    Gostaria de tirar uma duvida, esse projeto prevê inclusão da microcervejarias no simples nacional no aspecto da fabricação sob o Cnae 1113/5-02 certo? Mas e para os casos onde a empresa atua como fabricação na atividade primaria e em sua atividade secundaria no CNPJ com atividade 4635/4-02 (comercio atacadista de cerveja e shopp) esta atividade pode ser um impeditivo para optar pelo simples nacional em 2018? ou o projeto de lei já contempla as duas atividades?

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *